Texneo recebe certificação que atesta ausência de substâncias nocivas

09/08/2018

Pode não parecer, mas existem substâncias que, se presentes nas roupas, oferecem riscos à saúde quando em contato com a pele. Os danos podem ir desde inflamações da pele até problemas mais sérios nos rins e sistema nervoso. Essas toxinas podem estar presentes nos tecidos em razão do uso de corantes nos fios e até de pesticidas na produção do algodão.

A Texneo, malharia de sportswear, beachwear e underwear, reforça esse cuidado ao receber a certificação Standard 100 by Oeko-tex®. Trata-se de uma certificação internacional para empresas do setor têxtil que não possuem componentes tóxicos em seus artigos.

“A Oeko-tex® certifica que nossos produtos são isentos de substâncias nocivas para a saúde humana e, dessa forma, reforçamos mais uma vez a qualidade dos nossos processos e no produto final”, ressalta o diretor industrial da Texneo, Fabricio Axt.

Texneo é uma das empresas brasileiras a receber o selo - Crédito de imagem: divulgação

Para receber o selo, as companhias são analisadas em vários critérios abrangentes e rigorosos, são centenas de substâncias, entre elas estão as legalmente proibidas e regulamentadas como corantes azo, formaldeído, pentaclorofenol, cádmio e níquel, e outras inúmeras que não estão legalmente regulamentadas, mas que são relevantes para o meio ambiente, entre outros critérios e itens. “Esse trabalho busca reforçar e trazer conscientização mundial para a sustentabilidade dentro das indústrias e para uma utilização consciente das substâncias químicas”, explica Fabricio. 

Presente em mais de 13 países e em três continentes, a malharia conta com mais de 200 artigos no seu portfólio em linha.





Área do Associado
Esqueci minha senha