Receita Federal apreende mais de 8 toneladas de roupas falsificadas em São Paulo

11/08/2017

Em ação denominada de ”Operação Pseudópodes II”, realizada entre os dias 7 e 8 de agosto no bairro do Brás, em São Paulo (SP), a Receita Federal, em conjunto com a Prefeitura de São Paulo e Guarda Civil Metropolitana, apreendeu mais de 8 toneladas em roupas e cerca de 99 mil pares de calçados.

Com o objetivo de combater o descaminho, contrabando e comércio de contrafeitos de diversas marcas em uma das zonas de comércio mais populares da capital paulista, a intervenção – com foco inicial para tênis piratas, mas que também gerou resultados positivos para os confeccionados -, teve sucesso. Ao todo, 99.140 pares de calçados foram apreendidos em caminhões, totalizando aproximadamente R$ 7,9 milhões, enquanto o balanço de roupas foi de 8,7 toneladas, contabilizando R$ 10,9 milhões, conforme divulgado pela Secretaria Municipal de Segurança Urbana de São Paulo.

Ao final da operação feita nesta semana, as lojas foram fechadas e lacradas, além disso, sete pessoas foram conduzidas para a Polícia Federal, a fim da instauração do procedimento criminal.

A ação deu continuidade à “Operação Pseudópodes”, colocada em prática em abril também na região do Brás. Na ocasião, 150 mil pares de calçados falsificados e avaliados em aproximadamente R$ 8,5 milhões foram retirados do mercado ilegal.

Há anos a Abit solicita às autoridades maior fiscalização do comércio ilegal. Em recente reunião com o prefeito de São Paulo, João Doria, o tema foi novamente abordado.





Área do Associado
Esqueci minha senha