Abit discute competitividade das fábricas inteligentes em evento da Amcham

13/07/2017

Aumentar a competitividade brasileira com as fábricas inteligentes, que usam tecnologias físicas e digitais na produção, é um dos desafios imediatos do setor privado e tema do Fórum ‘Indústria 4.0: A era da manufatura avançada’ da Amcham – São Paulo, que acontece no dia 19 de julho, das das 8h às 13h, na sede da entidade (R. da Paz, 1.431, Chácara Santo Antônio - SP). O presidente da Abit, Fernando Pimentel, será um dos painelistas. 

O impacto que a informatização das fábricas traz à economia será debatido pelo diplomata e economista Marcos Troyjo, da Columbia University (EUA), e Rodrigo Damiano, diretor da PwC.  Troyjo detalha as competências mais recomendadas aos profissionais para adaptação ao novo cenário e Damiano aborda as vantagens competitivas do uso de tecnologias como sistemas ciber-físicos, internet das coisas, computação em nuvem e outras nas indústrias.

Troyjo também modera o painel sobre a Indústria 4.0 no Brasil. Os painelistas são Márcio Girão, diretor de inovação da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), e Fernando Pimentel, presidente da Abit. 

Fernando Pimentel, presidente da Abit - foto: Ricardo Keuchgerian

As indústrias que adotam tecnologias digitais no Brasil participam do painel seguinte. Dividindo experiências e acertos no processo, estão Daniel da Rosa, CEO da Thyssenkrupp, Celso Luis Placeres, diretor de engenharia de manufatura da Volkswagen, Edouard Mekhalian, diretor-gerente da KUKA Roboter, e Marcio Mariano Jr., CEO da startup Forsee





Área do Associado
Esqueci minha senha